Este blog partilha informação sobre o homeschooling e o unschooling - ensino doméstico ou educação domiciliar. Para navegarem o site, usem os links acima e, para os posts de 2011, o botão da pesquisa na barra direita. Facebook: Aprender Sem Escola Email: aprendersemescola@gmail.com

segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

Ensino doméstico, biblioteca doméstica

No blogue Pés na relva, li o dia de biblioteca, o que me levou a pensar sobre livros, leitura e aprendizagem em geral. Hoje convido-vos à nossa biblioteca!

A foto abaixo mostra alguns dos nossos livros, CD Roms, vídeos e DVDs que acompanham o currículo escolar - história, geografia, ciência, matemática, arte, etc.


No primeiro ano sem escola o meu filho leu uma série de livros. Foram mais de oitenta! Geralmente quem ía à biblioteca era eu - ele raramente queria lá ir. Trazia para casa livros relacionados aos interesses dele e depois deixava-os espalhados pela casa. A decisão de ler ou não era dele.

Actualmente não me parece que ele esteja muito interessado nos livros tradicionais. A leitura é feita mais na internet, onde os livros são digitais. Afinal, com acesso a bibliotecas virtuais, como o projecto Guttenberg e a wikisource, a sites como a wikilivros e a wikiversidade, e a novas tecnologias como CD Roms, DVDs, etc., não é de surpreender que não haja tanto tempo para a leitura de livros de papel !


Mas a verdade é que vivemos rodeados de livros, livros e mais livros!
Que havemos de fazer? Aqui em casa adoramos aprender! Sobre isto e aquilo, e de tudo um pouco! Na estante do meio, por exemplo, temos livros de filosofia, comunicação, desenvolvimento pessoal, ensino doméstico, música (história da música, ópera, compositores, terapia da música, etc). Na da direita, livros de poesia, literatura inglesa, ciência, mitologia, alimentação e saúde, etc.


Na foto de cima podem ver alguns dos nossos livros de arte (incluindo arte digital, mangá, banda desenhada e animação), anatomia, xadrez, tecnologia da informação e vários dicionários e tesauros.


Fui professora de música durante vários anos. Esta é a minha cesta, cheia de pautas, a maioria delas de música barroca, para teclado.


O Alan trabalha na área da medicina tradicional chinesa. Acima podem ver livros de acupunctura, terapia alimentar chinesa, fitoterapia chinesa, tai chi, taoism, chi kung, I Ching, etc.


Também estamos interessados em psicologia e filosofia, na inteligência emocional e espiritual, e no budismo tibetano.

Isto sem falar de culinária, dos livros apinhados na cozinha, e dos que estão no sótão! Enfim, estou convencida que o ambiente familiar é muito importante e que as crianças acabam por seguir os exemplos que os pais e as pessoas com quem vivem e convivem lhes dão. Hoje em dia é raro irmos à biblioteca, mas às vezes parece que vivemos numa!

8 comentários:

Isabel de Matos disse...

Olá Paula!
Também gostei muito do artigo escrito pela Ana, no Pés Na Relva.
Eu também adoro livros e aqui em casa também vivemos no meio deles, desde os livros infantis aos mais variados temas, mais ou menos como vocês, porque cada um de nós tem o seu leque variado de interesses, portanto isso multiplicado por 5 dá muitos temas e muitos livros. E também filmes e jogos fixes.
E a internet é uma ferramenta indispensável também para nós hoje em dia (sem falar no trabalho do Pedro, que faz sites e trabalha ainda noutras áreas de informática e de design e multimédia).
Muito obrigada por mais este teu post!
Beijinhos

Isabel

Tibetan Star disse...

Olá Isabel!

Obrigada pelo comentário. Engraçado mencionares os jogos, pois pensei neles mas depois esqueci-me de os mencionar. Hoje em dia há jogos incríveis, e aprende-se tanto com eles! Há-de ser material para outro post!

Beijinhos
Paula

Pequete disse...

Que biblioteca tão apetecível! Eu sou uma livrólica confessa e cá por casa os livros também se acumulam pelos cantos, apesar de já ter posto muitos a viajar, através do bookcrossing...

Meninheira disse...

Pois aquí outra louca pelos livros :) e os pequenos têm unha "pequena" biblioteca de máis de 200 livros!!

Adorei ver a vosa! eu tambem ja tenho posto fotos da nosa no blogue :)


beijinhos *

Tibetan Star disse...

Oi Pequete!

Bookcrossing é uma ideia óptima! Aqui temos o "read it swap it", mas eu, quando preciso de espaço, acabo por doar os livros às lojas da caridade ou ao freecycle.

Tibetan Star disse...

Olá Meninheira!

É um privilégio vivermos nesta época, com acesso a tantos livros, tanta informação e tantos meios de comunicação.

Agora vou dar uma olhada no teu blogue!

Meninheira disse...

Para que olhes a sua biblioteca :D

http://dalleuncolinho.blogspot.com/2008/10/o-noso-currculo-4-anos.html

beijinhosssss

Tibetan Star disse...

É bem gira, a vossa biblioteca! E as cadeirinhas também!