Este blog partilha informação sobre o homeschooling e o unschooling - ensino doméstico ou educação domiciliar. Para navegarem o site, usem os links acima e, para os posts de 2011, o botão da pesquisa na barra direita. Facebook: Aprender Sem Escola Email: aprendersemescola@gmail.com

segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

Passeando e aprendendo

Aprender é algo que acontece naturalmente. Ontem, por exemplo, quando fomos passear no Harbourside, vimos este navio,
junto ao qual estava esta estátua.

Curiosos, aprendemos que a estátua é uma homenagem a Giovanni Caboto (c.1450 - c.1498). Conhecido na Inglaterra como John Cabot, foi um navegador e explorador italiano, o primeiro europeu a descobrir a América do Norte, em 1497. A posição oficial é que ele descobriu a ilha da Terra Nova.

Como outros exploradores italianos, foi contratado por outro país. Provavelmente, foi ao tomar conhecimento da descoberta das "Índias" por Cristóvão Colombo que resolveu encontrar, ele próprio, uma rota para oeste. Tinha um plano simples: começar na latitude norte, onde as longitudes estão muito mais próximas, o que tornaria a viagem muito mais curta.

Cabot procurou e conseguiu financiamento da Inglaterra e, assim, as suas explorações foram feitas sob a bandeira inglesa. Autorização foi dada pelo rei Henrique VII e Cabot veio para Bristol fazer os preparativos para a viagem.

Bristol era o 2º principal porto marítimo da Inglaterra e várias expedições já tinham sido enviadas em busca de Hy-Brasil, uma ilha que, segundo lendas célticas, estava algures no Oceano Atlântico. Em 1496, com um navio, Cabot partiu de Bristol, mas chegou à Islândia e foi forçado a regressar devido a disputas com a tripulação.

Na 2ª viagem Cabot usou um navio com 18 tripulantes, o Mateus, pequeno mas rápido e capaz. O que vêem nas fotos é uma réplica.

Em Maio de 1497 partiu rumo à Irlanda e desembarcou na costa da Terra Nova em Junho. O local preciso é tema de controvérsia. Podem ter sido os primeiros europeus no continente norte-americano desde os Vikings. De regresso à Inglaterra Cabot foi feito almirante, recompensado com £10 e um contracto para mais uma viagem.

No ano seguinte, em 1498, partiu uma vez mais, desta vez com 5 navios. Nunca mais se soube de Cabot nem da sua expedição. Pensa-se que morreram no mar. Uma teoria é que foram atacados por Brian Otte, capitão da Armada Naval espanhola, sob ordens da rainha. - fonte

Sem comentários: