Este blog partilha informação sobre o homeschooling e o unschooling - ensino doméstico ou educação domiciliar. Para navegarem o site, usem os links acima e, para os posts de 2011, o botão da pesquisa na barra direita. Facebook: Aprender Sem Escola Email: aprendersemescola@gmail.com

sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

Tribunal condena família que educa filhos em casa

Apesar de evidência de sucesso, tribunal recusa-se a examinar as notas dos testes e relatórios psicológicos que provam a eficácia do ensino doméstico!

Ler mais...

2 comentários:

Luisa_B disse...

Minha querida,
Penso que seja ameaçador ,os pais substituírem muito melhor as escolas de alguns países e quando sentem isso começam a pôr defeitos e negar os direitos das pessoas.
Aqui passa-se o mesmo aliás como sabe apesar de existir o dec. lei que promulgou a lei...não a deixam por em prática.
Dizer o quê? Eles é que mandam. Se uns podem cuidar da educação dos filhos, há muitos pais que nem sabem o que isso significa e nem querem essa função.
Fiquei triste com esta noticia!
Beijinhos

Tibetan Star disse...

No artigo, gostei da resposta que o pai deu:

“Estava claro que os meninos estão indo bem, que não há abandono intelectual, mas as autoridades continuam defendendo sua posição, defendendo a lei e esquecendo que o foco da lei é as crianças”.

Penso que foi ao cerne da questão.
Os detentores do poder não estão interessados no bem estar das crianças mas na manutenção do poder.

Como já dizia Dr. Benjamin Rush em 1786:

"Na educação dos jovens, que a autoridade do sistema seja tão absoluta quanto possível. O governo das escolas, tal como o governo da vida privada das familias, deverá ser arbitrário e severo.

Através deste sistema de ensino, preparamos a nossa juventude para se subordinar à lei e, assim, ajudamos-lhes a tornarem-se bons cidadãos da república.

Estou convencido de que os cidadãos mais úteis vieram daqueles jovens que nunca conheceram ou sentiram as suas próprias vontades até aos vinte e um anos de idade, e penso muitas vezes que a ordem e a felicidade da sociedade devem-se... aos hábitos de obediência e de subordinação adquiridos nas escolas."