Este blog partilha informação sobre o homeschooling e o unschooling - ensino doméstico ou educação domiciliar. Para navegarem o site, usem os links acima e, para os posts de 2011, o botão da pesquisa na barra direita. Facebook: Aprender Sem Escola Email: aprendersemescola@gmail.com

sábado, 6 de junho de 2009

As coisas que a gente aprende

Esta história de cultivar hortaliças, para além do enorme prazer que dá, funciona como um óptimo recurso educacional!

Cultivando os nossos alimentos aprendemos de onde é que eles vêm e a trabalheira que dão! Imediatamente passamos a dar muito mais valor ao que comemos e aos agricultores tradicionais. Aprendemos a humildade, a paciência e a persistência. Depressa desaprendemos a arrogância intelectual transmitida e assimilada, dia após dia, ano após ano, nesses estabelecimentos de ensino por aí afora, e aprendemos a respeitar a experiência e o conhecimento dos trabalhadores manuais.

Aprendemos coisas que nunca mais acabam! Ficamos mais conscientes do clima, das estações do ano e dos ciclos da vida (das plantas e dos bichinhos da zona). Aprendemos que ainda temos muito que aprender sobre o solo, a agricultura biológica e a reciclagem e reutilização dos resíduos, o que me leva, (finalmente!), ao tema de hoje: o que fazer com os pneus velhos?

As 2 fotos acima foram encontradas na internet

Aqui por estas bandas a reutilização de pneus parece ser a última moda. Na horta - e porque não na varanda? -, são usados como canteiros para hortaliças, flores, frutos e até árvores!

Resolvemos experimentar e transplantámos as cenourinhas para um pneu que uma garagem aqui perto nos deu. Pintados ficam muitíssimo mais bonitos mas ainda não tivemos tempo para essas coisas: só para ir comprar uma "casinha" para os nossos bebés:

Aqui, abrigadas do frio e do vento, as sementes e as plantinhas não ocupam tanto espaço como antes e, como estão muito mais protegidas, crescem muito melhor.

Bem, hoje fico-me por aqui e despeço-me com um link para um documentário a não perder, especialmente se estiverem interessadas em aprender os efeitos da agricultura química e dos alimentos trangénicos no meio ambiente e na saúde humana.

Sem comentários: