Este blog partilha informação sobre o homeschooling e o unschooling - ensino doméstico ou educação domiciliar. Para navegarem o site, usem os links acima e, para os posts de 2011, o botão da pesquisa na barra direita. Facebook: Aprender Sem Escola Email: aprendersemescola@gmail.com

segunda-feira, 22 de junho de 2009

Compostagem - aprender a fazer adubo orgânico

Agora que temos uma composteira (oferecida através do freecycle,

que em Bristol tem mais de 28 mil membros e entre 6 e 7 mil anúncios por mês), só faltava aprender a fazer adubo orgânico.

Felizmente, o que nunca falta é informação.
Encontrámos estes folhetos (na foto acima)

no centro de reciclagem, quando fomos lá buscar pneus

para reutilizá-los como "canteiros" na horta (falei disso aqui).
Informação há muita, um pouco por todo o lado.

Em casa, tirámos os livros de jardinagem das estantes, vimos slides e videos (como este e este), descobrimos livros disponíveis para ler online na íntegra (Compostagem e Consumo sustentável), e pesquisámos vários sites sobre a compostagem caseira, como o da Horta da Formiga. Sem pôr os pés na escola, aprendemos e reflectimos sobre várias coisas, desde o ciclo da matéria orgânica aos materiais a compostar e a não compostar.

Depois foi só pôr as mãos na massa, porque sem ser posto em prática o conhecimento torna-se inútil. Como dizem por estas bandas, “if you're going to talk the talk, you've got to walk the walk”; afinal, uma acção vale mais que mil palavras! E aqui está, são testemunhas dos nossos primeiros passos no mundo da compostagem!

12 comentários:

Mina disse...

Paula
Também tenho uma caixa de compostagem, já li algumas coisas sobre o assunto, que se deve intercalar secos e humidos e remexer com uma forquilha.
Mas há uma coisa que eu não li, porquê que aparecem os mosquitos, fará parte da compostagem!?!...
Se souber alguma forma de livrar dos mesmos agradeço.
Obrigada
Bjos

Paula disse...

Ouvi dizer que folhas de eucalipto e menta na composteira afastam os mosquitos. E que plantar erva cidreira também os afasta...

Se calhar a composteira precisa de maior quantidade de secos, por exemplo papel e papelão aos pedacinhos, como o das caixas dos ovos e dos tubinhos dos rolos do papel higiénico e até dos pacotes dos cereais que os miudos comem ao pequeno almoço.

E também nunca colocar alimentos que foram cozinhados, só crus, nem queijo, carne ou peixe, ossos, productos lácteos, etc

Bem, provavelmente sabes tudo isto e muito mais do que eu, que sou uma principiante nesta matéria.

Boa sorte!

Mina disse...

Obrigada Paula
Não ,sabia não, também sou novata, não fazia ideia de que podia por assim papelotes, até fui buscar palha que encontrei no chão, sempre abafou um pouquito, acho que devemos sempre reciclar e reutilizar e já estava a ficar desanimada. também pudia ter a ver com o tempo húmido, mas já estava a ficar preocupada principalmente por causa dos vizinhos...
Bjocas, vou tomar nota, mais uma vez obrigada

barbarayu disse...

eu também já comecei com a "arte da compostagem". aliás, lá em casa todos os 5 o fazemos, apesar de uma forma empírica.
No sábado, vamos fazer formação com a a horta da formiga, na vila beatriz, em ermesinde.

:)

Paula disse...

Olá Barbarayu

Dias de formação são sempre úteis; eu, pelo menos, sou muito visual e aprendo melhor vendo alguém a fazer uma demonstração do que lendo livros!

Obrigada pela visita e pelo comentário.

P e M disse...

Também gostaria de fazer compostagem, mas tenho a sensação que num prédio não é possível (corrijam-me se estiver errada)...

O pai da minha filha é que faz (vive numa vivenda). Sorte a dele...

;o)

Paula disse...

Há quem faça na varanda...

http://www.youtube.com/watch?v=pZg4Fp0hnNE

P e M disse...

Paula,

tu não existe!!!

Só tenho alguma dificuldade no resido orgânico e na borra do café (não bebo café), vou já começar a separar o lixo (para além do lixo de plástico, do papel e do vidro): em lixo para compostagem e não-compostagem.

Estou tão feliz!!!

Sabes porque é que não se usa os papeis triturados neste compostor?

Entretanto se quiser, podes fazer o teu próprio detergente liquido: http://www.youtube.com/watch?v=priU2Mz2-ik&feature=related e aprender a fazer bolo de fubá cremoso: http://www.youtube.com/watch?v=oNq2V-NXDE4&feature=related

:)))))

P e M disse...

Depois de voltar a falar com o pai da minha filha sobre compostagem: segundo ele existe no mercado, à venda, um compostor próprio para fazer a compostagem em apartamentos que tem um reservatório para os líquidos.

Sabes do que se trata, Paula. Valerá a pena?

Um outro blog sobre o assunto: http://agricabaz.blogspot.com/2009/03/dicas-para-compostagem-caseira.html

Como construir o próprio compostor: http://www.esb.ucp.pt/gea/myfiles/compostagem/compost/intro43.html

;o)

P e M disse...

Paula,

talvez, num futuro próximo, fazias um post sobre compostagem...?!

Digo eu!

Aqui ficam mais sites sobre o assunto:

http://www.emarp.pt/index.php?option=com_content&view=article&id=130:como-adquirir-um-compostor&catid=60:praticar-um-melhor-ambiente&Itemid=71

http://www.hortadaformiga.com/comoescolhercompostor.cfm

http://www.almoverde.pt/cms07/pdf/compostores.pdf

http://www.grupoescolar.com/materia/compostagem.html

http://www.confagri.pt/Ambiente/AreasTematicas/Solo/Documentos/doc68.htm

http://www.oesteonline.pt/noticias/noticia.asp?nid=4707

Agora vou fazer uma pesquisa sobre as condições do cebolinho, do coentro, da rucula, da salsa, da salva (que já viu melhores dias) e do tomilho... que eu quero-os "bem de saúde" .

;o)

Paula disse...

No site da EMARP: "um compostor pelo valor de 83,19 Euros"...

Que horror! O meu foi de borla!

ECO disse...

Olá!
Encontrei hoje esse local e adorei as idéias.
Estou começando a fazer adubo orgânico e procurando informações sobre o mesmo.
Abraços!!