Este blog partilha informação sobre o homeschooling e o unschooling - ensino doméstico ou educação domiciliar. Para navegarem o site, usem os links acima e, para os posts de 2011, o botão da pesquisa na barra direita. Facebook: Aprender Sem Escola Email: aprendersemescola@gmail.com

sábado, 31 de julho de 2010

Como passam os dias...

A minha amiga Caroline, que tem uma voz incrível, adora música brasileira, especialmente bossa-nova. De vez em quando, como ontem de manhã, aparece com o saxofone e passamos umas manhãs muito musicais.


A tarde foi passada a praticar aconselhamento psicológico - nem sei se já tinha mencionado esta minha faceta ou não... pois é, depois de ter passado uns tempos sem trabalhar nesta área para poder dedicar-me ao ensino doméstico (inicialmente estruturado, depois eclético, agora unschooling), resolvi recomeçar a oferecer sessões de counselling - just for the love of it!


A noite foi passada noutra sessão de cura pelo som (voz e taças de cristal) com Patrick Duff (já tinha falado sobre ele aqui). O meu interesse pelo poder curativo da música, revelado pelos livros que tenho ao lado do laptop, já tem pelo menos 20 anos... como o tempo passa depressa!

O filhote vai fazendo o mesmo que eu, seguindo os seus interesses à sua maneira. Já tem quase 17 anos e gosta muito da sua privacidade: acha que ninguém tem nada a ver com o que ele anda a aprender. Eu respeito a sua posição e por isso fico-me por aqui!

3 comentários:

P e M disse...

Olá,

outro ponto de interesse mútuo: o poder da música na cura... ando a "lançar", pois é uma vertente que me atrai muito. Já leste o livro "Mensagem do outro lado do mundo"
de Marlo Morgan? Fala disso e de outras coisas, foi a Isabel quem me imprestou...

Beijinhos

Paula disse...

Olá P e M,

Ah, esse livro ainda não li, não. Mas ainda hoje recebi um email sobre a possibilidade de facilitar workshops experienciais neste tema. Very exciting!

Bjs

P e M disse...

Então lê (se o encontrares)... foi lá que li pela primeira vez uma expressão muito próxima e muito minha: "sonhar acordada"!

Gostei muito da explicação... tal e qual como eu sempre vi a "minha" explicação...

;o)