Este blog partilha informação sobre o homeschooling e o unschooling - ensino doméstico ou educação domiciliar. Para navegarem o site, usem os links acima e, para os posts de 2011, o botão da pesquisa na barra direita. Facebook: Aprender Sem Escola Email: aprendersemescola@gmail.com

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Espanha: Primeiro Congresso Nacional de Homeschooling

Em Outubro realizou-se na Espanha o primeiro congresso nacional sobre o homeschooling. Famílias de toda a Espanha assistiram ao primeiro congresso nacional do país sobre o ensino doméstico.

"Um grande sucesso!" foi como Arantza Diez-Zearsolo, mãe de 10 filhos, descreveu o primeiro congresso nacional sobre o ensino domiciliar realizado no seu país natal, Espanha, em Outubro 22-23, 2010. A conferência reuniu um vasto leque de oradores, incluindo académicos de várias universidades espanholas, funcionários das autoridades regionais de educação, e líderes dos grupos de apoio ao ensino doméstico, que compartilharam os seus conhecimentos e experiências em quatro painéis separados. As mesas redondas também destacaram a experiência de pais experientes nesta área do homeschooling, como Diez-Zearsolo.

"Homeschooling está começando a ganhar impulso e a despertar interesse na Espanha", explica Diez-Zearsolo. Ela fez um relato comovente da realidade da educação em casa na Espanha, motivando outros homeschoolers presentes.

Durante a conferência, os homeschoolers espanhóis anotaram os 10 pontos fundamentais sobre a educação em casa e a família. Os participantes afirmaram o direito dos pais de escolher a melhor forma de educação para os filhos e rejeitaram as tentativas por parte do Estado de "usurpar" o papel natural da família na educação dos filhos. Os defensores do homeschooling não estão atacando as escolas públicas. Em vez disso, dizem que o homeschooling vai ajudar, dando mais opções aos pais e economizando os recursos do sistema que podem ser depois usados em programas para ajudar os alunos.

Os participantes da conferência pediram ao governo espanhol para reconhecer oficialmente o ensino doméstico como uma opção válida e que se abstenha de punir os pais que decidem exercer o seu direito de orientar a educação dos filhos.

A Constituição Espanhola e as leis da educação proporcionam uma visão favorável do homeschooling. O Artigo 27 da Constituição afirma que é um direito dos pais que os filhos recebam uma "formação religiosa e moral de acordo com as suas próprias convicções." No entanto, muitas famílias homeschoolers têm problemas com as autoridades locais. Na região de Valência, Espanha, onde o primeiro congresso nacional aconteceu, existem mais de 500 famílias de homeschoolers. Muitas gostariam que fosse passada uma lei para melhor proteger os direitos dos pais.

O jornal diário espanhol Las Provincias relata que na Espanha o homeschooling é como uma "bola de neve", atraindo famílias de todas as camadas da sociedade espanhola. Nos últimos anos, a experiência positiva do ensino doméstico noutros países europeus e nos Estados Unidos, bem como a preocupação com a crescente secularização, tem feito milhares de espanhóis pensar no ensino domiciliar para os filhos.

Fonte

Mais sobre a conferência aqui.

Sem comentários: